Filme Hereditário - vale a pena assistir?

22:05

Olá pessoas, tudo bem com vocês? Hoje trago mais uma resenha de filme que assisti recentemente no cinema. O filme em questão chama-se Hereditário e teve sua estreia no Brasil no dia 21 de junho. Muito tem se falado desse filme, inclusive alguns críticos vem o nomeando como "o novo Exorcista", mas a real é que eu, particularmente, não achei o filme tudo isso não. Quer saber o motivo? Continua lendo que eu vou te contar!

A História

Na cena inicial avistamos um quartinho cheio de maquetes, e a câmera vai focando em uma casinha que aparentemente seria uma maquete também. A medida que a câmera vai se aproximando e adentra a casa, tudo se torna real e os personagens aparecem. De imediato achei que a história do filme seria algo em torno de bonecos humanos que vivem em maquetes, mas não é nada disso não!
O que acontece é que naquela família, a esposa faz essas maquetes, que é o trabalho dela. Ela e o esposo tem dois filhos: Peter, um rapaz que deve ter seus 17 anos (não fica bem claro no filme), e uma adolescente de 13 anos, que é essa menina "estranha" que provavelmente você já deve ter visto nos cartazes do cinema. 


A vó da menina acabou de morrer, e eles estão indo ao velório. Na família já haviam históricos de pessoas com esquizofrenia entre outros distúrbios, que aparentemente é HEREDITÁRIO (agora dá pra sacar porque o filme tem esse nome, né). Essa menina, se chama Charlie (sim, Charlie é nome geralmente dado a meninos, mas se você ver o filme vai entender), e Charlie sente muito a perda da avó pois elas eram muito apegadas. 
Apesar de tanta propaganda em cima dessa menina que aparentemente seria a personagem principal, outra personagem se torna o centro das atenções: a mãe de Charlie, que se chama Annie, que é a filha da vovózinha que bateu as botas (gíria muito usada pela minha mãe). E o que comprova isso, é que logo após a morte da avó, tanto a mãe quanto a filha vão ficando mais estranhas do que já são e coisas bizarras vão acontecendo, principalmente com Annie.



O ponto chave é que, essas coisas estranhas nós não conseguimos identificar se são coisas sobrenaturais, ou apenas coisas da cabeça dela, afinal, com histórico de distúrbios mentais na família, tudo leva a crer que ela herdou isso tudo da mãe. Mas o que realmente está acontecendo fica mais claro nos minutos finais do filme. E se você quiser saber o que aconteceu, assista ao filme pois eu não vou contar, afinal, não quero estragar a surpresa pra ninguém!

Minha opinião
Como citei no início, muita gente vem comparando esse filme ao Exorcista. Na realidade esse filme não tem NADA A VER com Exorcista! Primeiro porque no filme O Exorcista, até leva um tempinho pro capiroto aparecer, mas depois que aparece, salve-se quem puder! Já em Hereditário, que tem 2h07m de duração, levou aproximadamente 1 hora para aparecer alguma coisa mais ou menos bizarra, e aí quando você pensa que o capiroto vai aparecer ou algo do tipo, a história fica por isso mesmo. Eu realmente fui pro cinema me preparando pra sair de lá toda cagada de medo, cheguei a ir na sessão legendada que era pra dar mais medo, mas isso não funcionou.



O ponto forte desse filme é que ele não te dá aqueles sustos imbecis que a maioria dos filmes dá. Eu, por exemplo, me assustei quando um pombo bateu em uma janela e quando uma vela levantou uma labareda do nada... e só! Pelo que percebi, o intuito do filme é fazer você querer desvendar o que está acontecendo, se aquilo tudo é real ou é algo presente só na imaginação da personagem Annie. Uma coisa é fato: fiquei agoniada. A história parecia não desenrolar e aí você vai ficando aflito pois pensa "mas que merd* tá acontecendo aí??" e parece que nada acontece.



Confesso que saí um pouco decepcionada do cinema, pois de tanto ouvir pessoas falando que esse é o Exorcista da nova geração, fui com a expectativa de ver uma coisa e vi outra. O filme em si não é ruim, aliás, nos últimos minutos fica realmente muito melhor, mas ainda assim repito, que se o objetivo era me deixar com medo, ele falhou, porque a única coisa que eu senti foi sono. Como falei, o filme não é ruim, mas é que a espera por algum acontecimento chocante foi me deixando com as pálpebras realmente pesadas, se é que me entendem. E você, já foi assistir ao filme Hereditário? Conta pra mim o que achou!

That's All Folks!


Você também poderá gostar de:

2 comentários

  1. Sinceramente o que me desiludiu no filme foi o realizador não se decidir se quer ser um filme sobre doenças psicológicas - e então teria de desenrolar essa ideia - ou se por outro lado quer ser um filme sobre o sobrenatural - e então teria de desenrolar essa ideia com os livros por exemplo.

    ResponderExcluir
  2. Excelente filme, desfrutei muito. Tem protagonistas sólidos e um roteiro diferente, se tem uma coisa que eu não gosto nos filmes de terror atuais, são os screamers, e o que eu mais gosto é o terror psicológico, depois de vê-la você ficara com algo de medo. Os filmes de terror são meus preferidos, é o melhor. Meu favorito é It: A Coisa, acho que o novo Pennywise é muito mais escuro e mais assustador, Bill Skarsgård é o indicado para interpretar o palhaço. It filme é realmente uma história muito interessante, uma das melhores de Stephen King, o clube dos perdedores é muito divertido e acho que os atores são muito talentosos. Já quero ver a segunda parte.

    ResponderExcluir

Deixe sua teoria sobre o assunto!